Agora é lei na capital paulista! Os novos prédios, construídos na cidade de São Paulo, serão obrigados a ter um sistema de recarga para carros elétricos. Essa exigência vale para projetos residenciais registrados a partir do dia 31 de março de 2021. A lei ainda dispõe que a medição do consumo de energia elétrica deverá ser feita individualmente. Conforme estimativa da Prefeitura, essa resolução deverá promover mudanças em mais mil projetos de lançamentos voltados para as classes A e AB, previstos para construção nos próximos cinco anos.

Para João Leonardo Castro, diretor de desenvolvimento e gestão de produtos da SKR – Arquitetura Viva – a lei está de acordo com a tendência mundial, já que os carros elétricos estão se tornando realidade em todas as cidades do mundo e, também em São Paulo, onde já se tem carros circulando pelas ruas. “As construtoras se adaptarão a essa realidade prevendo as demandas de energia necessárias em cada novo empreendimento”. O diretor explica que, desde 2014, a SKR já incorpora essa infraestrutura de energia – “Todos os nossos projetos e empreendimentos já possuem sistemas elétricos e demanda de energia necessária para possibilitar a instalação dos carregadores de carro elétrico, tanto de uso comum, nos subsolos, quanto individualmente, nas vagas privativas de cada unidade”.

O valor dos carregadores individuais varia, pois depende da velocidade de carga e custam a partir de R$ 9 mil. A quantidade de carregadores depende da demanda de energia e infraestrutura disponível para o empreendimento, podendo ser instalada em pontos de uso comum ou, como pontos individualizados por unidade.

Dentre os projetos SKR que já possuem essa infraestrutura, o diretor destaca:
– NOMAD – o projeto foi lançado em 2016 e entregue dois anos depois, há dois pontos de recarga e com uso comum. O consumo é cobrado de forma individualizada, através de um cartão de identificação.
– MOOU – o empreendimento foi entregue em 2020 com infraestrutura para ponto de recarga de carro elétrico em todas as vagas e unidades com medição individualizada, além de um ponto de uso comum, com tarifação individualizada por cartão de identificação.
– FLOAT by YOO – projeto com previsão de entrega para 2022, tem infraestrutura para ponto de recarga de carro elétrico para todas as unidades com medição individualizada.
– MOMENTO MOTA PAIS (foto de abertura) – projeto em construção com previsão de entrega 2022, possui infraestrutura para ponto de recarga de carro elétrico para todas as unidades com medição individualizada.
– SAO 2222 – Projeto com previsão de entrega 2023 – infraestrutura para ponto de recarga de carro elétrico para todas as vagas com medição individualizada por cartão de identificação.
– PANORAMA VILA ROMANA – projeto lançado em 2020, possui dois pontos de recarga de uso comum com tarifação individualizada por cartão de identificação.
– ARTISAN MOEMA – projeto com previsão de entrega 2022, possui ponto de recarga para todas as vagas e unidades com mais um ponto de uso comum com tarifação individualizada por cartão de identificação.

Além desses empreendimentos que já foram entregues ou estão em construção, a SKR – Arquitetura Viva tem em sua grade seis lançamentos previstos para os próximos meses, distribuídos pela capital paulista, em fase de desenvolvimento que contarão com a infraestrutura para abastecer carro elétrico como Vila Madalena (55:Beacon), Perdizes (Singo) e em regiões do Campo Belo, Vila Clementino, Moema e Cerqueira César .

SKR Arquiterura Viva

Há 35 anos no mercado, a SKR pensa no futuro e constrói a paisagem de São Paulo, com 59 empreendimentos, mais de 3 mil unidades entregues, de 560 mil m² construídos com projetos de arquitetura impecável que posicionam a SKR como uma incorporadora e construtora inovadora, que alia design e tecnologia para oferecer qualidade de vida.

SKR Arquiterura Viva
Digital Trix

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui