Os pilotos da Ducati Lenovo Team voltaram à pista na tarde deste domingo (20), no circuito alemão de Sachsenring, para a oitava etapa do Campeonato Mundial de MotoGP de 2021, o Grande Prêmio da Alemanha. Após dois dias de céu limpo, a corrida de hoje foi parcialmente mesclada por algumas gotas de chuva, que caíram nas primeiras voltas, mas que não molharam a pista.

Começando com a décima posição, Francesco Bagnaia (foto de abertura) foi o protagonista de uma grande recuperação: escorregando para a décima sexta posição nas primeiras voltas, o piloto italiano conseguiu encontrar um excelente ritmo a meio da corrida e ultrapassou muitos adversários para ficar atrás do companheiro de equipe, Jack Miller. Na última volta, Pecco liderou a ultrapassagem decisiva no australiano, cruzando a linha de chegada na quinta posição. Miller, que largou da segunda fileira em quarto lugar, fez uma boa largada ao permanecer no grupo da frente por várias voltas. Terceiro até quase metade da corrida, o australiano não conseguiu defender a sua posição nas últimas voltas, caindo para o sexto lugar depois de ser ultrapassado por Bagnaia a poucas curvas da chegada.

Depois do GP da Alemanha, Miller mantém a terceira posição na classificação geral com apenas um ponto à frente de Bagnaia, quarto, enquanto a Ducati e a Ducati Lenovo Team ocupam a segunda posição na classificação de Construtores e de Equipes.

“Apesar da recuperação, não estou feliz com o resultado de hoje porque sei que poderia ter lutado pelo pódio. Infelizmente, nas primeiras voltas tive sensações diferentes das dos últimos dias e lutei muito para encontrar o meu ritmo. Na segunda metade da corrida comecei a me sentir mais confortável e comecei a acelerar. Consegui administrar bem os pneus e ser consistente até o fim, recuperando até o quinto lugar. Agora temos de nos manter focados: dentro de alguns dias estaremos em Assen para enfrentar um novo final de semana de corridas”, disse Francesco Bagnaia, # 63 Ducati Lenovo Team,  quinto colocado.

“Em comparação com os últimos dias sofremos um pouco mais na corrida de hoje. Tive uma boa moto para tentar lutar pelas primeiras posições, mas não tinha aderência suficiente e nas últimas voltas tentei não forçar muito o pneu traseiro para não perder outras posições. Esperava conseguir algo mais, mas de qualquer forma trazemos para casa outros pontos importantes para o campeonato. Agora vamos analisar os dados para tentar entender o que faltou hoje e trabalharemos para ser mais competitivos no próximo fim de semana na Holanda”, afirmou Jack Miller, # 43 Ducati Lenovo Team,  o sexto colocado.

A Ducati Lenovo Team estará de volta à pista em menos de uma semana, de 25 a 27 de junho no TT Circuit Assen para o Grande Prêmio da Holanda, a nona etapa do Campeonato Mundial de MotoGP de 2021.

Ducati do Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui