Até 2030, 80% das emissões devem ser reduzidas nas localidades da ZF, e chegar a 40% na cadeia de suprimentos e seus respectivos usos de produtos

Com a finalidade de alcançar seus objetivos sustentáveis, com metas previstas até 2040, a ZF vem promovendo ações junto a seus fornecedores no Brasil e no mundo para que todos estejam alinhados no desenvolvimento de seus processos. Recentemente a empresa realizou o encontro “Sustainability Day”, oportunidade em que foi apresentada a visão da ZF sobre sustentabilidade e as principais ações necessárias para reduzir emissões.

De acordo com Tarcisio Costa, vice-presidente de Gestão de Materiais da ZF América do Sul, o Sustainability Day foi de extrema importância para alinhar os objetivos com os fornecedores. “Queremos dialogar com nossos fornecedores para descarbonizar a cadeia de suprimentos. Esta é uma oportunidade para colaboração intensificada entre a ZF e seus parceiros para que promovam medidas de eficiência energética nos seus processos, o uso de eletricidade renovável e até reduções no desperdício de materiais, como plástico e aço”, comenta o executivo.

No primeiro encontro, participaram cerca de 150 representantes de 100 fornecedores estratégicos da ZF no País. Segundo Costa, a empresa manterá um canal aberto com seus fornecedores, com comunicação frequente para assegurar a evolução do tema junto à cadeia de suprimentos.

“Nossa intenção é que nossos parceiros caminhem conosco na jornada em busca de nossas metas de sustentabilidade, e pelo compromisso de todos os envolvidos na construção de uma mobilidade cada vez mais segura e sustentável”, explica Tarcisio Costa

Neutralidade climática até 2040

A sustentabilidade é um critério obrigatório para a ZF e as emissões de CO2 em suas localidades devem ser reduzidas em 80% até 2030, bem como em 40% na cadeia de suprimentos e uso de produtos, em comparação a 2019.

Até 2040, a empresa pretende atingir a neutralidade em termos climáticos e, para isso, atua em várias frentes. Entre elas está o abastecimento com eletricidade verde nas usinas na Alemanha, por meio de acordos de fornecimento de energia, concluídos em 2021, com produtores de energia eólica e solar, que fornecerão até 210 gigawatts-hora de eletricidade verde em cada um dos anos de 2022 a 2025.

Os volumes acordados, que correspondem ao consumo de eletricidade de 72 mil residências, reduzirão as emissões de CO2 em 80 mil toneladas anualmente. “Estamos focados em medidas definitivas, com contribuição imediata e demonstráveis para a proteção do clima”, comenta Costa.

A ZF é uma empresa global de tecnologia que fornece sistemas para veículos de passeio, veículos comerciais e tecnologia industrial, promovendo a mobilidade da próxima geração. A ZF possibilita que os veículos vejam, pensem e ajam. Nos quatro domínios tecnológicos de Controle de Movimento de Veículos, Segurança Integrada, Regime de Condução Automatizado e Mobilidade Elétrica, a ZF oferece soluções abrangentes de produtos e software para montadoras de veículos estabelecidas e prestadores de serviços de transporte e mobilidade novos e emergentes. A ZF eletrifica uma ampla variedade de veículos. Com seus produtos, a empresa contribui para a redução de emissões, protegendo o clima e melhorando a segurança na mobilidade. Com cerca de 157.500 colaboradores em todo o mundo, a ZF relatou vendas de 38,3 bilhões de euros no ano fiscal de 2021. A empresa opera 188 locais de produção em 31 países. Visite: https://www.zf.com.

ZF América do Sul
MM Editorial 

________________________________________________________________________

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui