A robustez e a durabilidade dos caminhões IVECO têm sido comprovadas por meio de modelos que já ultrapassaram 1 milhão de quilômetros no Brasil. Dessa vez, um Stralis 2008 420 cv 4X2, pilotado pelo mineiro Laurete ‘da roça’ Pereira, atingiu a marca de 2 milhões de quilômetros no transporte de veículos há 12 anos. O proprietário Eduardo Carvalho, da Rodoluz Transportes, cumpriu à risca as revisões sugeridas pela montadora e manteve o conjunto trabalhando em plena forma.

O caminhão foi adquirido na concessionária DEVA, em Betim (MG), onde faz todas as manutenções preventivas. “Trocamos o óleo no período certo, a cada 20 mil quilômetros, e mantemos o bruto pronto para rodar o Brasil todo”, afirma Carvalho.

O Stralis foi lançado em 2004 e, em 2018, foi substituído pelo Hi-Road, que faz parte da linha de pesados da IVECO junto com o Hi-Way. “Além do ótimo custo operacional, os modelos ganharam conectividade por meio do IVECO Connect. O sistema monitora, frequentemente, o desempenho do motorista e as funções do veículo. A central, que está localizada no complexo industrial de Sete Lagoas (MG), monitora 24 horas por dia, sete dias na semana, as informações recebidas pelos dispositivos, e é responsável por antecipar a demanda dos nossos clientes em um eventual problema com o produto, contatando o motorista e sugerindo soluções” diz Bernardo Pereira, diretor de Marketing da IVECO para a América do Sul.

Outro destaque do Stralis é o motor FPT Cursor 13, produzido pela FPT Industrial. O propulsor promove elevada durabilidade associada a desempenho, robustez, menores emissões, custos operacionais e versatilidade de aplicações, seja no segmento on-road, off-road, marítimo ou de geração de energia.

“Ficamos muito contentes em saber que nossos caminhões proporcionam uma vida útil longa e rentabilidade para os clientes. O objetivo final do nosso trabalho é esse, desenvolver produtos que tenham ótimo custo operacional para nossos parceiros”, finaliza Bernardo.

IVECO
CNH Industrial
Rede de Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui